Benefícios

Dr. Sabor

| Notícias e Lançamentos

Frutooligossacarí­deos

26/09/2017

O que são frutooligossacarídeos?

Frutooligossacarídeos, ou FOS, são fibras dietéticas solúveis prebiótica.

Para entendermos melhor vamos dar a definição de alguns termos:

Fibras dietéticas: As fibras alimentares são os polissacarídios vegetais da dieta, como celulose, hemiceluloses, pectinas, gomas, mucilagens e a lignina (não polissacarídio) que não são hidrolisados pelo trato gastrointestinal humano. As fibras alimentares compõem-se fundamentalmente de 2 categorias, tecnicamente classificadas como: insolúveis e solúveis.

Fibras solúveis: São as pectinas, gomas, mucilagens e algumas hemiceluloses. A fração solúvel das fibras traz benefícios à saúde, porque apresentam efeito metabólico no trato gastrintestinal, retardam o esvaziamento gástrico e o tempo do trânsito intestinal, diminuem a absorção de glicose e colesterol. 

Prebióticos: O termo Prebiótico foi empregado por Gibson & Roberfroid em 1995 (J. Nut.) para designar "Ingredientes nutricionais não digeríveis que afetam beneficamente o hospedeiro estimulando seletivamente o crescimento e atividade de uma ou mais bactérias benéficas do cólon, melhorando a saúde do seu hospedeiro".

Portanto frutooligossacarídeos (FOS) são polímeros de frutose ligados à glicose, resistentes à digestão no trato gastrintestinal e que agem diretamente no intestino, com capacidade de promover o desenvolvimento de microorganismos probióticos (bifidobactérias), imprescindíveis e benéficos para flora intestinal, com a finalidade de melhorar a constipação intestinal, diarreia e promovendo o equilíbrio da flora intestinal.

Quais os benefícios dos FOS?

Diversos estudos têm demonstrado que as fibras alimentares solúveis prebióticas –  FOS apresentam inúmeros benefícios à saúde humana. Dentre eles, têm se destacado os efeitos relacionados à promoção do equilíbrio da flora e do funcionamento intestinal, o controle do colesterol e dos triglicerídeos séricos, além de auxílio no tratamento de enfermidades como  anemia, osteoporose, hipertensão, diabetes, intolerância à lactose e insuficiência renal. s probióticos inibem as bactérias patogênicas, evitando, assim, infecções e septicemias. Eles reduzem o pH intestinal, controlam a função intestinal, estimulam o sistema imunológico, aumentam a absorção dos minerais, como o cálcio, aumentando sua absorção e diminuindo o risco de aterosclerose e osteoporose.

Fontes alimentares: Alcachofra, soja, alho, alho poró, aspargo, chicória, cebola, bardana,batata yacon, banana, biomassa de banana verde e produtos enriquecidos com FOS.

 

Referências bibliográficas

PASSOS, L.M.L & PARK, Y.K. Frutooligossacarídeos: implicações na saúde humana e  utilização em alimentos. Ciência Rural, v. 33, n.2, p.385-390, 2003.

SIQUEIRA, C.R; KOVALTCHUK, E.; SILVEIRA, F.J. Frutooligossacarídeos: uma revisão sobre propriedades funcionais, efeitos na saúde humana e importância na indústria de alimentos. VI Semana de Tecnologia em Alimentos, Universidade Tecnológica Federal do Paraná – UFTPR, v. 02, n. 04, 2008.

OLESEN, M.; GUDMAND-HØYER, E. Efficacy, safety, and tolerability of fructooligosaccharides in the treatment of irritable bowel syndrome. American Journal of Clinical Nutrition, Vol. 72, No. 6, 1570-1575, December 2000.

SAC (41) 36576349
  • sac@drsabor.com.br
  • CNPJ 01280649/0001 -76
  • Almirante Tamandaré - PR